Categoria: Entrevistas




[FOTOS E VÍDEO] Victoria Justice concede entrevista ao “AOL Build Series”

Victoria Justice concedeu uma entrevista juntamente com a Christina Millian ao “AOL Build Series” ontem (18) para promover seu novo filme “The Rocky Horror Picture Show: Let’s Do The Time Warp Again“. Confira abaixo a entrevista completa:

Adicionamos em nossa galeria várias fotos em HQ da entrevista. Veja todas elas clicando em uma das miniaturas:

    


THE NEW POTATO: A estrela de The Rocky Horror Picture Show sobre a importância da gentileza

Fonte
Tradução e adaptação: Equipe Victoria Justice Brasil

Victoria Justice é uma jovem estrela que se manteve legal e, por que não dizer, fica ainda mais legal a cada ano que passa. Ela estrela como Janet na refilmagem de Rocky Horror Picture Show da Fox e nós sabíamos que tínhamos de sentar-se com ela para obter informações privilegiadas sobre as filmagens.

Justice é uma das nossas: Ela é obcecada com abacates, adora sushi e quer jantar com Kristen Wiig. Será que isso soa como uma pateta ou o quê? Leia abaixo a nossa entrevista com Victoria Justice, em seguida, faça um pouco de pipoca para vê-la na TV nesta quinta-feira. Você sabe que não há nada melhor do que ver Rocky Horror para entrar no espírito do Dia das Bruxas….

Do início ao fim, o que seria o seu dia-alimentar ideal?

O café da manhã seria uma tigela de açaí com pólen de abelha, mirtilos, bagas de goji e batatas fritas de cacau. O meu almoço ideal seria sushi. Eu amo sushi de salmão com azeite de trufas e sal do mar, sashimi yellowtail com pimentas jalapeño e carpaccio de salmão (de Koi) é um dos meus favoritos. A maneira como eles o preparam é incrível.

Como você praticar beleza de dentro para fora?

Eu tento comer bem e me exercitar pelo menos a cada dois dias. Eu também tento meditar tão frequentemente como eu posso e ler livros de inspiração.

Quais são as suas rotinas de beleza matutina e noturna?

Na parte da manhã, eu uso o gel de limpeza facial  aCure com um Clarisonic, talvez 2-3 vezes por semana, mas apenas com a cabeça mais suave que vendem (que é a acne uma, eu tenho a pele muito sensível), para começar, depois uso sidra de vinagre de maçã da Bragg por um tonificante que eu mesmo faço (eu adiciono 1 colher de chá e  cerca de 120mL de água engarrafada, que eu coloco em uma pequena garrafa). Então eu vaporizo minha pele com Heritage Rosewater & Glicerina (eu compro no Whole Foods) e depois selo com creme de umidade Hawaiian da Alba Botanica (compro também no Whole Foods).

Você era fã do Rocky Horror Picture Show original?

Sim! O vi pela primeira vez quando eu estava na 5ª série, e eu fui para a minha primeira exibição da meia-noite, quando eu tinha quinze anos. Eu sempre amei a música e os personagens e como era diferente.

Como o remake é diferente do original?

Bem, honestamente nós nem sequer realmente gostaríamos de chamá-lo de um remake. É mais de uma releitura – em homenagem a este clássico cult. Em nossa versão, incorporamos os fãs de Rocky Horror fazendo as saídas de chamada para a tela e atirando adereços. É muito legal. É também uma versão mais colorida; William Ivy Long (nossa figurinista) criou algumas peças incríveis. Há novas coreografias… Quer dizer, esta é a visão de Kenny Ortega, então você pode esperar que as coisas sejam um pouco mais empolgante.

Qual foi a coisa mais louca que aconteceu no set durante as filmagens?

Eu me lembro de uma cena que foi um desafio. Nós estávamos filmando o número de “Over At The Frankenstein Place”. Estava muito frio e estávamos usando uma máquina de chuva no meio da noite. A água não foi aquecida o suficiente… foi muito difícil.

O que está sempre em sua bolsa? Quais os produtos de beleza que você não pode viver sem?

Burt’s Bees Pomegranate lip balm, Clé de Peau concealer, lenço removedor de maquiagem, Tarte blush (sombra exposta) e batom Bobbi Brown (brownie shade).

Quais são as suas cidades favoritas para se alimentar? Quais restaurantes você vai?

Nova York e Los Angeles. Eu amo Koi tanto em NY e LA, Gangadin (melhor comida indiana em LA na minha opinião), El Criollo (o melhor restaurante cubano que eu encontrei), Aurora (o meu favorito restaurante italiano em Nova Iorque… a panacotta deles é tudo) e El Caribeno, que é um restaurante de Porto Rico em espanhol Harlem. É um pequeno buraco na parede e tão barato, mas tão bom.

Quais são alguns dos seus treinos?

Eu tenho um personal trainer que vem à minha casa, mas eu também vou para a academia Equinox. Eu tenho um treinador lá, mas ultimamente minha irmã Madison, que é altamente motivada quando se trata de malhar, me treina. Ela empurra nós duas. Nós vamos fazer algumas boas velhas abdominais, flexões, pular corda, socos e levantamento de peso. Eu também adoro uma grande aula de ioga para alternar.

Qual é o melhor conselho que você já recebeu? Qual é o pior?

O melhor conselho que já recebi é tratar as outras pessoas da maneira que eu gostaria de ser tratado. Tenho muita sorte de ter uma mãe que tem incutido a importância da bondade em mim desde que eu era pequena.

Você não gostava de X até você tentar com Y….

Eu não gostava de abacate até que eu provei quando eu tinha dezoito anos em Ohio, quando eu estava filmando Fun Size. Lembro-me de pensar: ”Você sabe o que… Eu vou experimentar alguns abacates nesta salada.” Desde então eu fiquei obcecada!

Se você pudesse ter um jantar com cinco pessoas, vivas ou mortas, quem você convidaria? E o que você cozinharia?

Amy Winehouse, Oprah, Paul McCartney, Kristen Wiig e o Dalai Lama. Eu honestamente provavelmente apenas pediria sushi e algumas opções vegetarianas.

O que seu smoothie ideal é composto por? O que tem em sua salada ideal?

Meu smoothie ideal é manga, coco, pêssegos, amoras e uma colher de leite de coco de baunilha. Minha salada ideal seria de alface ou Bibb, abacate, tomates da herança, palmito, pimentão vermelho assado, pepino, azeite extra virgem, vinagre balsâmico, sal e pimenta, e um toque de alho em pó.

Aonde você gosta de viajar? O que não vai a sua viagem sem?

Eu recentemente viajei para Tulum, México e eu absolutamente amei. O oceano parecia como água do banho, a comida era incrível, e ele tem essa vibração global de saúde e bem-estar moderno, que eu amo. Eu não vou viajar sem um secador de cabelo e uma chapinha, meu grande casaco confortável da Urban Outfitters, e um par de jeans angustiados.

Na mesma linha como o novo preto na moda, o que é a nova batata agora?

O voto é a nova batata! Registre-se para votar!

victoria-justice-.jpg victoria-justice-2016.jpg victoria-justice-actress.jpg victoria-justice-hair.jpg victoria-justice-instagram.jpg victoria-justice-interview.jpg


[FOTOS] Victoria Justice concede entrevista para a NKD Magazine
A atriz e cantora Victoria Justice é capa da revista NKD Magazine para o mês de outubro e além das fotos, também concedeu uma entrevista que fala de toda a sua carreira no mundo artístico – ela revelou suas raízes e comentou sobre seu trajeto até os dias de hoje. Confira a tradução feita pela equipe do Victoria Justice Brasil e entenda um pouquinho mais. Logo abaixo da entrevista estão as scans das páginas da revista na qual Victoria saiu e as fotos do photoshoot para a revista – todas em HQ e sem tags! Aproveitem, estão lindas!

Victoria Justice cresceu em Hollywood – em Hollywood da Flórida, isso sim. Ela passou os dez primeiros anos de sua vida andando de patins e de patinete pela orla da praia que ficava há apenas algumas quadras da casa onde passou sua infância. Ela tinha apenas 7 anos quando entrou no ramo de atuação. Victoria viu uma criança em um comercial e imediatamente chamou sua mãe para ver a televisão. “Eu disse que queria fazer o que aquela criança estava fazendo no comercial e perguntei se ela achava que eu podia”, ela disse. Sua mãe respondeu que sim e prometeu levá-la à Miami um dia quando ela saísse mais cedo da escola para conhecer uma agência. A mãe manteve sua promessa e Victoria e sua irmã foram contratadas pela World of Kids, que começou a escalá-las para trabalhos como modelos e para comerciais.
“Eu tive muita sorte com os trabalhos como modelo e os comerciais, então quando tinha 9 anos eu disse para minha mãe que queria tentar o ramo de televisão e filmes”, Victoria lembra. Ela passou seis semanas em New York naquele verão e rapidamente percebeu que Los Angeles era o lugar onde ela precisava estar – então seguiu direto para a Costa Oeste. Menos de um mês depois que chegaram na Califórnia, ela foi escalada para seu primeiro trabalho na TV, uma aparição em Gilmore Girls. Quando tinha 12 anos, ela entrou para o elenco de Zoey 101 na Nickelodeon e quando chegou ao fim, o criador Dan Schneider junto com a Nickelodeon quiseram trabalhar com Victoria em seu novo seriado, Victorious.
“Foi uma grande experiência”, Victoria diz sobre seu tempo na Nickelodeon. “A Victoria de 11 anos apenas sonharia com isso, mas minha família veio para L.A. para me dar a chance de seguir o meu sonho, e isso terminou muito maior do que eu esperava”. No começo, equilibrar a escola, a atuação e uma vida normal não estava sendo tão difícil para Victoria, porém quando ela se tornou a protagonista de seu próprio seriado aos 16 anos, tudo se tornou complicado demais. Ela estava evolvida num programa de estudos da Cleveland High School em Reseda, Califórnia, que pedia muito dos estudantes. Seis semanas depois do início do seu segundo ano escolar, ela decidiu estudar em casa.
Como Victorious era cheio de performances musicais (a cada quatro episódios, para ser exato), a maior parte do tempo livre de Victoria era dedicado aos ensaios ou gravações, sem contar os eventos que envolviam o seriado. Naquele momento, ela também assinou dois contratos separados com a Columbia Records – um para o seriado e outro para ser artista solo – então ela tinha sessões semanais para compor as letras também. “As duas primeiras temporadas foram as mais exigentes, mas eu realmente as amei”, ela disse. Durante seus anos na escola, Victoria estava envolvida com um programa de teatro musical e com Victorious ela pôde intensificar ainda mais o seu treino. “Eu não tinha muito tempo para sair com meus amigos próximos, mas mesmo assim dava um jeito de fazer festas do pijama aqui e ali, e convidá-los para o set quando eu podia,” ela admite.
Quando Victoria começou em Zoey 101, não existia a mídia da internet. Naquela época, ela tinha seu próprio website onde ela postava fotos e respodia perguntas – era parecido com o jeito que usa as redes sociais agora. “Nós definitivamente tínhamos mais proteção quando éramos pré-adolescentes,” ela diz, “Nós não tínhamos que lidar com cyberbullying, comentários negativos e coisas do tipo, o que era muito importante.” Quase um ano depois que Victoria se juntou à Nickelodeon, a mídia social foi surgindo – mas Victoria não tinha pressa para fazer parte.
Dan Schneider queria todo o elenco de Victorious no twitter, então Victoria entrou e realmente começou a gostar de ter um novo jeito de interagir com os fãs. Ela sentia que 99% dos comentários que recebia eram positivos, e que os fãs realmente amavam o elenco e as músicas. O seriado foi o assunto mais falado no twitter quase todas as vezes em que um episódio era lançado.
Alguns meses depois que Victorious terminou em 2013, Victoria mudou de lugar para começar a filmar Naomi & Ely’s No Kiss List, em Greenwich Village, Manhattan. Imediatamente depois, ela filmou o piloto de Eye Candy atrás da ponte do Brooklyn. Victoria instantaneamente se interessou em Eye Candy porque ela não conseguia largar do script. “Uma hacker que também era uma justiceira? Eu adorei”, ela compartilha. Baseado no livro de R.L. Stine, Eye Candy seguia Lindy (Victoria) em sua tarefa de resolver o desaparecimento de sua irmã e parar um assassino em série, que stalkeava as pessoas em suas vidas. O drama da MTV rapidamente alcançou um público bacana – muitos deles eram fãs de Victorious. “Foi o passo perfeito pra mim depois da Nickelodeon. Minha audiência estava crescendo comigo e todos estávamos prontos para me ver em papéis mais maduros”, ela diz.
Quando Eye Candy não foi escolhido para uma segunda temporada, os fãs ficaram enfurecidos. A estréia do seriado era no mesmo horário que College Championship Bowl em 2015 – que terminou sendo o maior programa da TV a cabo da história, portanto a audiência de Eye Candy sofreu com isso. “A estréia de um seriado é muito importante para que ele tenha sucesso”, ela diz, “Eu recebi um telefonema da MTV no dia seguinte e eles me deram muito apoio quanto ao seriado. Eles acreditavam em nós e continuariam nos divulgando.” No fim, a audiência do seriado não estava ruim mas também não era das melhores. Ter cancelado o seriado é uma decisão que os executivos da MTV se arrependem, e Victoria tem orgulho de saber isso. “Eu levei um tranco, porém tenho feito isso há muito tempo e sei como as coisas funcionam no ramo”, ela fala, “Eu não levei para o lado pessoal. Na verdade, estava muito feliz por ter pelo menos acontecido”.
O último projeto de Victoria possivelmente é o mais esperado. Ela vai atuar como Janet no especial da FOX de The Rocky Horror Picture Show: Let’s Do the Time Warp Again – um tributo ao filme de 1975.
O elenco está preenchido por Laverne Cox, Ryan McCartan, Adam Lambert e Christina Millian, e vai ao ar no dia 20 de Outubro. Por mais que esta seja a primeira vez de Victoria interpretando um personagem já consagrado, ela não estava nervosa porque junto com o resto do elenco ela já sabia que os fãs não gostariam de um remake e entendeu isso. Ela espera que os que estão relutantes se empolguem quando verem. “Eu estou muito orgulhosa pelo jeito com que tudo ficou, todos estamos”, ela conta, afirmando que todos fizeram um ótimo trabalho no filme.
No entanto, teve também certa repercussão da parte de seus fãs que não gostaram de vê-la num papel mais adulto. “Algumas pessoas pensam que uma vez que você é um ator da Nickelodeon, você não pode fazer nada além disso”, ela diz, “Eu acho que eles não pensam que estar na Nickelodeon ou na Disney é só um tipo de atuação e que não significa que essa é a única coisa que você pode fazer.” Ela acha que os fãs que a viram em Naomi & Ely’s No Kiss List ou Eye Candy vão entender e estavam esperando por vê-la em um papel como esse. Recentemente, Victoria postou um teaser dela cantando a grande música de Janet “Touch-A Touch-A Touch-A Touch Me” em suas redes sociais para promover o filme. No clipe, Victoria está usando apenas um sutiã e uma saia, cantando uma música “sexy e provocativa”. Muitos de seus seguidores fizeram policiamento moral nela e em seus posts, e alguns ainda deixaram de segui-la depois de soltar comentários negativos. “Muitos dos meus fãs são internacionais, então acho que muitos não entenderam direito”, ela menciona, “Mas alguns deles simplesmente não estavam acostumados a me ver em um papel como esse. Foi difícil para eles entender”. Ela nota que a maioria de seus fãs são positivos nesse novo passo em sua carreira e os aprecia muito por isso.
A preparação para Rocky Horror foi um pouco difícil, mas como grande fã do filme original, Victoria estava ansiosa para fazer sua própria Janet. Quando tinha 15 anos ela assistiu a exibição do filme à meia noite (uma tradição para os fãs) e caracterizou-se para completar e participar da experiência. Para se preparar, ela assistiu o filme novamente para relembrar mas tentou pular algumas partes para não sentir-se muito influenciada pela atuação de Susan Sarandon como Janet. “Eu ensaiei como eu ia cantar as músicas para torná-las minhas”, ela adicionou. Depois vieram quatro semanas de ensaios para aprender as coreografias.
Rocky Horror vai mostrar mais uma vez as habilidades musicais de Victoria na televisão. Em Victorious, três das músicas que ela escreveu foram usadas no seriado (“Best Friends Brother”, “Make It In America” e “Faster Than Boys”). “Dan Schneider era muito seletivo, então eu considerei isso uma honra”, ela conta. Victoria esperava por suas sessões de composição musical semanais e estava sempre disposta a explorar os conceitos que ela poderia usar – todos eram baseados em experiências pessoais. Recentemente, ela começou a escrever e produzir músicas demo novamente, mas se mantém quieta sobre os detalhes quanto a quando as pessoas poderão ouvi-las. Desde sua época em Victorious, ela postou alguns covers no YouTube – geralmente colaborando com Kurt Schineider e seu amigo da Nickelodeon, Max Schneider. “Eu adoro ser parte de qualquer coisa interessante, divertida e diferente, e é isso que eu tenho quando trabalho com Kurt e Max, que são muito talentosos”, fala. Justice também trabalhou com Todrick Hall em “Branca de Neve e Os Sete Ladrões”, onde interpretou a Branca de Neve um pouco modificada. Ela não tem nenhum vídeo a ser lançado no momento mas nunca deixaria de fazer algo divertido com seus amigos.
Seguido do lançamento de Rocky Horror, Victoria vai voltar imediatamente ao trabalho. Ela recentemente fechou um contrato com a FOX e vai se encontrar com escritores para falar sobre novos projetos, ou também poderá aparecer em algum novo seriado. “Eu não estou muito certa de onde essa estrada me levará, então estou tomando meu tempo”, ela contou, “Nós vamos ver onde isso vai dar”.

SCANS – NKD Magazine October

    


PHOTOSHOOT – NKD Magazine October 2016

    


Victoria Justice descreve sua audição para TRHPS
Ontem (08), Victoria Justice foi ao Television Critics Association e concedeu uma entrevista à People, onde falou um pouco sobre o seu teste para o papel de Janet Weiss no remake de The Rocky Horror Picture Show, seu mais novo filme. Ela contou detalhes da audição e também declarou seu amor pelo clássico. Leia abaixo a tradução do artigo.

Victoria Justice estava na quinta série quando ela viu The Rocky Horror Picture Show pela primeira vez e, quando soube do remake, ela disse ao seu agente “Eu tenho que fazer parte disso.”

A atriz que interpretará Janet no remake do musical de 1975 explicou o seu processo de audição no Television Critics Association em Beverly Hills, na segunda-feira.

“Eu ouvi meu agente mencionar uma vez que a FOX estava fazendo um remake e fiquei tipo ‘Espera… o quê? Você está brincando? Eu tenho que fazer parte disso.'”, a atriz de 23 anos disse sobre o projeto, que está previsto para sair na televisão neste outono. “Eu fiz a audição e o teste de tela, tive que ler com homens cobertos de óleo que fizeram a audição para Rocky, e eu também tive que cantar ‘Touch Me’. Foi realmente um sonho.”

Estrelando ao lado de Ryan McCartan no filme da Fox, a dupla tomará os papéis que ficaram famosos graças a Susan Sarandon e Barry Bostwick.

“Eu lembro da primeira vez que vi [o filme]. Nunca tinha visto nada igual antes,” Justice disse. “Eu amei a música. Amei a integridade – as cores, os personagens e toda a história. Era muito único.”

Ela também revelou que já se fantasiou [como no filme] para sair com os amigos quando tinha 15 anos.

“Eu lembro que usei minha meia arrastão, minhas plumas e batom vermelho. Eu realmente me apeguei a isso,” ela disse. “Me cativou desde o primeiro momento. Eu tenho sido fã por um longo tempo.”

Traduzido e adaptado pela Equipe Victoria Justice Brasil.
Para ler a matéria original, clique aqui.


Victoria Justice topa uma reunião de Victorious

Recentemente, em um evento da campanha Soar With Reading, Victoria Justice concedeu uma entrevista ao famoso The Huffington Post e falou sobre uma reunião com o elenco de Victorious para discutir sobre um possível final para a série. Leia:

Os fãs de Victorious podem finalmente ter a justiça que eles merecem.
Quando Victorious foi inesperadamente cancelado em 2013, todos os fãs do mundo entraram em queda livre. E não, eu não estou sendo dramática. (Ou, se eu estiver, é só por causa das lições que aprendi assistindo Tori (Victoria Justice), Cat (Ariana Grande) e o resto do pessoal navegando no seu caminho através de Hollywood Arts High School.)
Os rumores eram loucos. As pessoas estavam dizendo que tinha a ver com uma briga nos bastidores ou com a turnê solo da Victoria Justice. Essas histórias já foram anuladas, dando-nos a esperança de que o show poderia voltar um dia. Mas isso poderia acontecer?
Uh, sim, de acordo com Justice.
”Eu não sei de nada sobre o show voltar, mas se quisessem fazer uma reunião eu toparia e acho que todos os outros também,” disse Justice ao The Huffington Post em uma entrevista recente.
O elenco ainda é unido. Muitos ainda participaram da festa de aniversário da Ariana Grande recentemente, então isso parece ser real. Justice também mencionou como poderia ter tido uma reunião que estava previamente planejada, mas que, infelizmente, não deu certo.
“Nós conversamos sobre isso, sim, mas eu não sei o quanto eu posso dizer sobre isso. Foi tudo como uma espécie de coisa teórica, e nunca realmente chegou a acontecer, mas eu topo [fazer uma reunião] porque eu sinto que os fãs nunca tiveram um final bom, então eu queria lhes dar isso,” disse Justice.
[…]

Tradução e adaptação: Equipe Victoria Justice Brasil